Homens que mudaram o mundo – Charles Darwin (1809-1882)
By Cláudio

Homens que mudaram o mundo – Charles Darwin (1809-1882)

Compartilhe

Homens que mudaram o mundo – Charles Darwin (1809-1882)

Quem é que nunca ouviu falar na teoria da evolução das espécies? Charles Darwin, um naturalista inglês que se debruçou sobre a genética, é o autor dessa tese fundamental para a biologia.

Observador nato, Darwin reparava na natureza ao redor e tentava entender o funcionamento das ciências. Pouca gente sabe, mas antes de se tornar cientista, Charles ainda experimentou seguir pela carreira eclesiástica.

Apaixonado pela natureza, acompanhou seu amigo clérigo e geólogo numa expedição pelo norte do País de Gales. Depois, seguiram para participarem como naturalistas de uma expedição exploratória para mapear o hemisfério sul. 

Em 1859, é lançado o livro A origem das espécies, fundamental para a teoria da evolução. Polêmico, Darwin sugeria que o homem não era superior aos animais. 

Tendo abandonado as pretensões religiosas, o cientista casou com a prima (Emma Darwin) e juntos tiveram 10 filhos.  

A Origem das Espécies

Em 1859, depois de 20 anos, Darwin lançou A Origem das Espécies, o primeiro de seus livros que explica a teoria da evolução. O livro teve sua primeira edição esgotada em um dia. A obra destituiu a vida humana de qualquer superioridade em relação aos animais e enterrou o conceito de divindade, abrindo caminho para a ciência moderna.

De acordo com a teoria de Darwin, as formas de vida evoluem lenta, mas continuamente através dos tempos. A anatomia comparada auxilia no estabelecimento da teoria da evolução.

Os membros de todos os vertebrados correspondem, osso por osso, que só a suposição da descendência de um ancestral comum explica tal semelhança. No exemplo a seguir, o braço do homem, a pata do cão, a asa da ave e a nadadeira da baleia têm basicamente estruturas semelhantes:

( Colocar a foto dos ossos aqui por favor)

O aparecimento da Origem das Espécies desencadeou uma série de intermináveis polêmicas. Darwin continuou estudando os diversos aspectos da evolução, criando novos elementos para confirmação de sua teoria.

As ideias gerais de sua teoria foram sendo pouco a pouco modificadas, porém as bases do evolucionismo estabelecidas pelo naturalista subsistem até hoje.

Teoria da Evolução das Espécies

  • Os indivíduos de uma mesma espécie não são todos idênticos, apresentam variações de caracteres.
  • Muitas diferenças anatômicas ou fisiológicas observadas entre os indivíduos de uma população são transmitidas de uma geração a outra.
  • Os indivíduos que têm características que contribuem para sua sobrevivência viverão até a idade de reprodução.
  • Ao se reproduzirem, esses indivíduos têm grande chance de transmitir à sua prole as variações que favorecem a sobrevivência.
  • Eventualmente, um indivíduo sofre uma modificação aleatória no processo de formação do organismo.
  • Se essa alteração acidental favorecer a sobrevivência do indivíduo, ele chegará à idade de reprodução com grande chance de transmiti-la a parte de sua prole.
  • A repetição do mecanismo de herança e adaptação ao ambiente no decorrer de várias gerações leva a mudanças graduais num grupo de indivíduos da espécie, até que esse grupo fica tão diferente do original que surge uma nova espécie.

Fonte: https://www.ebiografia.com/charles_darwin/

  • No Comments
  • Maio 17, 2024
× Como posso te ajudar?