Felicidade: um trabalho interior – Práticas para alcançar a felicidade
By Cláudio

Felicidade: um trabalho interior – Práticas para alcançar a felicidade

Compartilhe

PRÁTICA 7: Precisamos buscar o crescimento, não à perfeição

“Quanto mais nos tornamos obsessivos e compulsivos quanto à perfeição, mais sofremos”

“O perfeccionismo nunca acaba bem, no final, resta apenas o fracasso. “O perfeccionista não é feliz”

A fixação na suposta “perfeição” tem sua origem na necessidade de aprovação que começou na infância, especialmente com papai e mamãe. Não é o que é dito, mas o que é ouvido que influencia as pessoas”

O alto preço do perfeccionismo:

O caminho do perfeccionismo nunca acaba bem. O resultado sempre é o fracasso. É um caminho suicida. Negar nossos erros e falhas diminui a nossa alegria de viver. O perfeccionismo é doentio.

Anatomia do perfeccionismo

Pessoa saudável:

1 – Controla sua vida

2 – Ela é livre

3 – Ela tem uma autoestima elevada

4 – Ela tem confiança e fé

5 – Ela tem alegria e felicidade

6 – Confia no seu potencial

7 – É solidário na medida do possível;

8 – Promete e sente que fez o seu melhor;

9 – Pede ajuda com frequência

10 – Confia nas pessoas

Pessoa perfeccionista:

1 – É controlada pelas suas compulsões

2 – Ela é uma escrava

3 – Ela é presa no seu desempenho

4 – Ela tem medo, pânico, solidão, depressão, ansiedade e tristeza

5 – Ela é estressada

6 – Tem medo do desagrado e da punição;

7 – Agradador

8 – Promete e nunca acha que cumpriu sua promessa;

9 – Não pede ajuda;

10 – É desconfiado de tudo

Aceitar a condição humana

A fraqueza faz parte da condição humana. O ensaio de erros e acertos é uma condição normal de todos. Para cada sucesso há milhares de derrotas. Negar esta verdade é um convite à frustração. O fracasso é uma experiência de aprendizagem:

“O único fracasso verdadeiro é aquele que com o qual nada se aprende”

Se aprendermos a rir de nós mesmos nunca deixaremos de nos divertir”

Somos colaboradores e não competidores

“Aprenda com os erros dos outros. Você não terá tempo de repeti-los”

Buscar o crescimento contínuo, de geração após geração. O tempo e a prática são fatores essenciais para o crescimento, não para o perfeccionismo.

Escolher a perfeição – a estrada termina antes do começo

Escolher o crescimento – experimentamos a alegria de viver durante toda a vida. Você vai desfrutar da vida e vai produzir muito melhor do que o perfeccionista.

Antídotos para o perfeccionismo

1 – Distrair-se: Tornar agradável o que você está fazendo. Desfoque do seu  TOC (Transtorno Obsessivo Compulsivo)

2 – Aceitar suas imperfeições: Ria delas e aprenda com elas. Não se torture!

“Quando admitimos essa condição, o mundo nos aplaude”

Práticas sobre o perfeccionismo

1 – Faça duas listas: Uma das vantagens e outra das desvantagens do perfeccionismo

2 – Escreva um diário: Tudo que lhe vier à cabeça sobre o perfeccionismo

3 – Escreva um diário: A procura do crescimento e não da perfeição

“Os fracassos são apenas experiências de aprendizagem. O único fracasso verdadeiro é aquele com o qual nada se aprende”

Baseado no livro: Felicidade: um trabalho interior – Autor: John Power

Editora Crescer

Adaptação: Cláudio Martins Nogueira – Psicólogo Clínico – Especialista em DQ

  • No Comments
  • Abril 6, 2024
× Como posso te ajudar?