O princípio da cooperação
By Cláudio

O princípio da cooperação

Compartilhe

O princípio da cooperação

No nosso Grupo Terapêutico Limites e Consequências nós trabalhamos com o conceito do “limite da cooperação” numa perspectiva de reparação do estrago que a dependência química fez na vida do adicto. A perda da noção de viver em comunidade é surpreendente na medida em que a dependência avança. O egocentrismo é tamanho que nada mais importa do que a próxima dose.

Neste texto, quero ressaltar a importância de estabelecer o princípio da cooperação como a base de uma pessoa bem sucedida na vida em todos os aspectos. No meio corporativo, já se fala em “inteligência social”, ou seja, aqueles que aprenderam desde a tenra infância a cooperar com as outras pessoas.

O Amor Exigente tem o décimo princípio o seguinte: “ A essência da família repousa na cooperação, não só na convivência”. Acrescento: “A essência da vida em sociedade repousa exatamente na cooperação.

Por estes motivos que, a cooperação é fundamental para que o sujeito aprenda a viver em comunidade se tornando assim um indivíduo que, além de respeitar e conviver melhor com o próximo, possibilita o desenvolvimento dos seus talentos e dos outros.

E essa lição deve começar na infância. E os primeiros mestres, os pais e responsáveis.

Cláudio Martins Nogueira – Psicólogo Clínico

  • No Comments
  • Janeiro 20, 2024
× Como posso te ajudar?