O Poder da família – parte VI (Continuação da edição anterior)
By Cláudio

O Poder da família – parte VI (Continuação da edição anterior)

Compartilhe

E os filhos cresceram…. os problemas também

Os desafios da família vão aumentando na medida em que a mesma vai crescendo, seja em número dos seus membros ou pelo crescimento natural dos filhos. Quando a gente assusta, nossos “bebês” viram adolescentes.
Para entendermos estas mudanças devemos considerar:

1 – Físicas e biológicas:
– Luto pela perda do corpo infantil: O adolescente precisa aceitar que agora ele está no corpo de adulto.
– Luto pela perda do mundo infantil: Terá que abandonar as brincadeiras de criança e começar a tomar uma postura mais madura nos ambientes.
– Luto pela perda dos pais da infância: Ao tomar consciência que seus pais da infância não existiam, os adolescentes se revoltam contra seus pais.

2 – Necessidades sociais e emocionais na adolescência:
– Busca de uma identidade: O adolescente tem a necessidade de se diferenciar dos pais em busca de uma personalidade própria. Muito comum fazer escolhas contrárias e opostas aos pais.
– Ânsia de formar novos ciclos sociais (grupos iguais): Para se afirmar como diferente, ele precisa de se apoio no ciclo dos seus iguais.
– Novos ídolos em substituição aos pais: Ao perder os pais como ídolos, o adolescente vai em busca de novas referências nem sempre saudáveis.
– Escolha profissional: A pressão por uma escolha profissional pode agravar ainda mais o quadro de ansiedade e insegurança na juventude.
– Desejo sexual: A explosão dos hormônios e a vida sexual e afetiva são desafios cada vez mais precoce na vida dos nossos adolescentes e jovens.
– Independência financeira e emocional: O desejo de sair de casa se contrapõe a realidade da sua dependência financeira e emocional dos pais e demais familiares
– Ânsia por aproveitar a vida: Incentivada por uma cultura do consumo e da satisfação imediata, o adolescente e jovem são compelidos a viverem uma vida de diversão e lazer que podem comprometer toda a sua história.
– Cobrança de uma agenda adulta: Sem estar preparado para tal.
Na próxima edição vamos levantar algumas reflexões importantes sobre como administrar melhor esta fase. Espero vocês mês que vem. Muito obrigado

Continua na próxima edição

Cláudio Martins Nogueira – Psicólogo Clínico – Especialista em DQ

Obs.: Texto baseado no livro: O poder da família – A dinâmica das relações familiares
Autor: Michael Nichols – Edição esgotada no Brasil

  • No Comments
  • Abril 12, 2023
× Como posso te ajudar?