Priorizar quem tem fome de “pão”
By Cláudio

Priorizar quem tem fome de “pão”

Compartilhe

Nenhum país desenvolvido e civilizado pode conviver passivamente com a miséria de uma significativa parcela de sua população. Por isto é saudável que os governantes, as classes mais favorecidas tenham como prioridade este público. A fome mata, não só as pessoas que estão sendo vítimas dela, mas a sociedade como um todo.
Além da fome física, temos outras “fomes” que são importantes também. Como já dizia o poeta: “A gente não quer só comida”. A gente tem a fome de justiça, a fome de afeto, a fome de conhecimento, a fome de lazer e de cultura. Todas elas compõem o “Menu” das necessidades humanas.
Lembro uma certa vez um deputado brasileiro (que não vou dizer o nome para não entrar em polêmica) que fazia um discurso sobre a importância de priorizar o auxílio a quem não tinha o que comer. Um outro deputado foi contra e disse:
– Não é possível deputado que você não conhece o famoso ditado popular: “Não temos que dar o peixe, temos que ensinar a pessoa pescar”
O deputado que já tinha passado fome de “pão” na vida, respondeu com muita sabedoria:
– Caro amigo, quem fala isto não sabe o que é passar fome. Fome dá preguiça, dá depressão, dá fraqueza, dá desespero. Quem tá passando fome não consegue nem tirar o peixe da água.
Vamos juntos enfrentar este desafio. Ajudar quem tem fome de pão. Depois a gente serve o restante do “Menu”. O jornalcriartvida.com.br está nesta luta. Participe!

  • No Comments
  • Março 6, 2023
× Como posso te ajudar?